Aprendendo Com A Música: Last Nite – The Strokes 37


~ Last nite, she said: Oh baby I feel so down when you left me out… – So I, I turned around ~

Música Last Nite The Strokes

Hi, my dear reader!

How things are going?

Neste artigo, temos a análise de uma música da banda The Strokes chamada “Last Nite”. Esta análise foi feita pelo colaborador do Inglês Com Rock, o professor Bruno Gonçalves.

A música “Last Nite” faz parte do álbum de estréia da banda, “Is This It”, de 2001. O vídeo clipe e a letra estão mais abaixo.

Algumas curiosidades a respeito desta canção e também da banda ficam por conta da letra da música e do vídeo clipe oficial, que a banda gravou tocando ao vivo por não querer fazer um vídeo clipe. Uma das cenas mais conhecidas e engraçadas do vídeo é a cena em que um microfone cai na cabeça do baterista Fabrizio Moretti após ser empurrado pelo guitarrista. O guitarrista tenta colocar o microfone de volta no lugar, o que não dá certo, e por fim instantes depois Fabrizio derruba os outros microfones no chão. Fabrizio nasceu no Brasil e sua família mudou-se para os Estados Unidos quando ele tinha apenas quatro anos de idade. Ele é filho de um italiano com uma brasileira.

Com relação à letra da música, uma curiosidade que pode ser mencionada é que o vocalista Julian Casablanca nunca a canta igual à letra original. Até mesmo a faixa gravada no álbum em que foi lançada a música contém palavras trocadas no momento em que ele canta. Isso também acontece com o vídeo clipe oficial e versões tocadas ao vivo. Portanto, não se preocupe ao ler a letra mais abaixo, pois você perceberá que em algumas partes ele simplesmente troca palavras, porém o sentido das palavras é sempre o mesmo. Há duas possíveis explicações para isso: ou ele sempre esquece a letra ou ele gosta de brincar com as palavras :D.

Agora, assista ao vídeo e continue lendo para aprender com a análise feita pelo professor Bruno Gonçalves!

Vamos Curtir Um Som!

Last Nite
The Strokes

Last nite she said
Oh baby I feel so down
When you turn me off
When I feel left out
So I, I turned round
Oh baby I don’t care no more
I know this for sure
I’m walking out that door

Well I’ve been in town for just about fifteen whole minutes now
And baby I feel so down
And I don’t know why
I keep walking for miles

And people, they don’t understand
No, girlfriends, they can’t understand
Your grandsons, they won’t understand
On top of this, I ain’t ever gonna understand

Last nite she said
Oh baby I feel so down
When you turn me off
When I feel left out
So I, I turned round
Oh baby I’m gonna be alright
It was a great big lie
‘Cause I left that night

And people, they don’t understand
No, girlfriends, they can’t understand
In spaceships, they won’t understand
And me, I ain’t ever gonna understand

Last nite she said
Oh baby I feel so down
When you turn me off
When I feel left out
So I, I turned round
Oh baby I don’t care no more
I know this for sure
I’m walking out that door
Yeah

Vamos Estudar A Letra!

Nota: a análise desta música foi feita pelo professor Bruno Gonçalves, colaborador do Inglês Com Rock. Você pode encontrá-lo no Twitter e também conhecer o site dele clicando aqui. A estrutura desta análise, como você poderá perceber, está um pouco diferente do que normalmente você vê por aqui, ou seja, está ao estilo de analisar letras do professor Bruno. Espero que você goste! É com você Bruno!

Last Nite (Noite Passada)

Last nite she said
Oh baby I feel so down
When you turn me off
When I feel left out
So I, I turned round
Oh baby I don’t care no more
I know this for sure
I’m walking out that door

Noite passada, ela disse
Oh amor, eu me sinto tão deprimida
Quando você me rejeita
Quando eu me sinto deixada de lado
Então eu, eu me virei
Oh amor eu não me importo mais
Eu tenho certeza disso
Eu estou saindo por aquela porta

Na primeira parte da música temos alguns exemplos de estrutura em presente e passado como:

She said (ela disse) – a estrutura de sujeito e verbo to say no passado.
I turned around (eu me virei) – A estrutura de sujeito e verbo to turn no passado e a preposição around para remeter o movimento.

Também há expressões idiomáticas muito utilizadas no dia-a-dia como:

I feel so down (me sinto para baixo) e I feel left out (me sinto deixada de lado) – duas expressões utilizada para expressar tristeza. Há outras muito usadas como: my spirit sank, I got a long face.

O pronome relativo when que remete que a mulher mencionada na música se sente deprimida em todos os momentos em que ele a rejeita. Juntando as duas sentenças por esse momento em comum.

A frase I don’t care no more (eu não me importo mais) – estrutura de sujeito + auxiliar na negative + verb no presente. Gramaticalmente falando, esta frase não está bem estruturada, visto que as negativas don’t e no se anulam, porém é um erro que acontece muito tanto no inglês quanto em português. As formas gramaticalmente corretas desse contexto são: I don’t care anymore, I care no more, I don’t care, e há outras frases que podem ser utilizadas no mesmo contexto como: I give a rat’s ass, I couldn’t care less, it doesn’t matter to me, I don’t give a damn / I don’t give a fuck.

Well, I’ve been in town for just about fifteen whole minutes now
And baby I feel so down
And I don’t know why
I keep walking for miles

Bem, eu estou na cidade há apenas quinze minutos agora
E amor, eu me sinto tão deprimido
E eu não sei por que
Eu tenho caminhado milhas

Na primeira frase a palavra well no dia-a-dia é utilizada normalmente para se ter um tempinho para pensar antes de falar, junto de Uh, you know…. A sequência I’ve been in town (eu estou na cidade) – frase no Present Perfect utilizada para focar no presente relevâncias ou resultados de ações passadas ou ações interminadas hoje.

Na segunda frase, for just about fifteen whole minutes now (há apenas quinze minutos agora), temos o marcador de tempo for, muito utilizado no Present Perfect. For é utilizado para mencionar uma quantidade de tempo que no caso são os fifteen minutes. A palavra whole que tem sinônimos em: complete, entire, one piece. Não deve ser confundida com sua irmã gêmea da pronúncia, role, que significa: papel, parte.

As duas últimas frases and I don’t know why I keep walking for miles (eu não sei por que eu tenho caminhado por milhas) – Temos duas frases conectadas por um pronome relativo: why. I don’t know (eu não sei) e I keep walking for miles (eu tenho caminhado por milhas), e existe uma relação de subordinação da primeira frase em relação à segunda. O uso de why (por que) em uma sentença não interrogativa é usada como pronome relativo.

And people, they don’t understand
No, girlfriends, they can’t understand
Your grandsons, they won’t understand
On top of this, I ain’t ever gonna understand

E as pessoas, elas não entendem
Não, namoradas, elas não conseguem entender
Seus netos, eles não entenderão
E no topo disso, eu nunca irei entender

No refrão temos exemplos do mesmo verbo sendo usado em diferentes tempos e na negativa:

Simple present: They don’t understand
Modal verb: They can’t understand
Future with Will: They won’t understand
Future with Going to: I ain’t ever gonna understand.

Nesta última, temos dois exemplos de elementos informais da língua usados na língua falada: ain’t e gonna.

Ain’t: É a contração usada para substituir qualquer verb to be + not, nesse caso substituindo I am not. O uso do ever nesta frase deve-se a já ter uma negativa (not) na frase. Assim poderíamos substituir a frase por I am never gonna understand sem alterar o sentido da mesma.

Gonna: É a contração informal de going to conhecida por praticamente todos os aprendizes de língua inglesa, mesmo os mais iniciantes.

A frase on top of this está no contexto de que em não importa o que for dito e o que for feito, pois ninguém irá acreditar nunca.

Last nite she said
Oh baby I feel so down
When you turn me off
When I feel left out
So I, I turned round
Oh baby I’m gonna be alright
It was a great big lie
‘Cause I left that night

Noite passada, ela me disse
Oh amor, eu me sinto tão mal
Quando você me rejeita
Quando eu me sinto deixada de lado
Então eu, eu me virei
Oh amor, eu vou ficar bem
Foi uma grande mentira
Porque eu fui embora naquela noite

Neste reinício da música temos apenas o final de diferente. Vamos dar uma olhada:

Na frase I´m gonna be alright (Eu vou ficar bem), temos novamente o gonna e temos o alright, que tem o seu sinônimo em: fine, good, great, ok, entre outros. Estrutura: sujeito + verb to be + going to (gonna) + verbo principal.

Na frase it was a great big lie temos uma frase no Simple Past. Estrutura: sujeito + verb to be no passado + artigo + 2 adjetivos + objeto. Temos 2 adjetivos nessa frase. É válido lembrar que, adjetivos em frase, pela gramática, devem vir em uma ordem pré-determinada pelo Mnemônico: OSASCOMP (Opinion, Size, Age, Shape, Color, Origin, Material, Purpose).

And people, they don’t understand
No, girlfriends, they can’t understand
In spaceships, they won’t understand
And me, I ain’t ever gonna understand

E as pessoas, elas não entendem
Não, namoradas, elas não conseguem entender
Em naves espaciais, elas não entenderão
E eu, eu nunca irei entender

Last nite she said
Oh baby I feel so down
When you turn me off
When I feel left out
So I, I turned round
Oh baby I don’t care no more
I know this for sure
I’m walking out that door
Yeah

Noite passada, ela disse
Oh amor, eu me sinto tão mal
Quando você me rejeita
Quando eu me sinto deixada de lado
Então eu, eu me virei
Oh amor, eu não me importo mais
Eu tenho certeza disso
Eu estou saindo por aquela porta, yeah

So, Did You Like It?

Chegamos ao final da análise de mais uma letra aqui no Inglês Com Rock, desta vez feita pelo nosso colaborador, o teacher Bruno. Agora, por favor, se você tiver gostado do post, recomende-o para os seus amigos.

Aproveite e deixe também um comentário abaixo caso você tenha algo a dizer ou deseje acrescentar mais alguma coisa às explicações do artigo. Eu adoraria ouvir algo de você! Todas as opiniões e sugestões serão sempre bem-vindas :D.

Um grande abraço a todos e até a próxima!

img


Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

37 thoughts on “Aprendendo Com A Música: Last Nite – The Strokes

  • ANTONIA

    Por favor Diego, eu errei quando me inscrevi no blog. Rock para mim como principiante, eu fico perdida. Por favor, quero ficar no seu blog pois é muito legal, mas como faço para me inscrever trocando rock por outro tipo de música menos complicada para mim? Por favor, me ajudem. Muito sucesso à todos da sua equipe.

    Antonia

    • Diego Autor

      Olá Antonia!

      Infelizmente não é possível trocar por outro estilo de música, pois o blog é voltado para o aprendizado com músicas do estilo rock’n’roll. Eu entendo que às vezes, para um principiante, algumas músicas com instrumentos altos ou com um sotaque mais carregado de algum cantor podem dificultar, mas na medida do possível eu tentarei postar músicas mais calmas e que sejam mais fáceis de usar para aprender.

      Um grande abraço!

    • Diego Autor

      Obrigado pelo seu comentário André!

      Lembrando que quem merece os parabéns por este post é o teacher Bruno, pelo belo trabalho que ele sempre faz em suas colaborações :D.

      Fico feliz que tenha curtido! Volte mais vezes, ok?

      Um grande abraço!

  • Adonai

    Achei bem interessante a explicação apegada à gramática ao identificar os tempos verbais, embora conciso, de grande importância. Parabéns Teacher Bruno e ao Diego por sempre disponibilizar o espaço.

  • Demetrius Abreu

    Olá, acabei de me inscrever no site e achei a ideia muito bacana. Música é um ótimo meio pra se aprender inglês ouvindo e interpretando (embora às vezes, como aconteceu nesse caso, existem erros gramaticais, que ocorrem em várias músicas inclusive no português.). Parabéns.

    Não entendi muito bem a explicação do termo “on top of this” que você diz que:

    “A frase on top of this está no contexto de que em não importa o que for dito e o que for feito, pois ninguém irá acreditar nunca.”

    Se não tivesse lido, eu diria que o “on top of this” seria a indicação de que acima do fato de todos aqueles não entenderem, eu é que não entendo.

  • Maria Lima

    Olá pessoal, gostei muito do blog e a tradução com os comentários de Last Nite. Tenho uma dúvida, nunca entendi o por quê da música se chamar Last Nite e não Last Night, poderiam me ajudar? Seria uma forma coloquial? Desde já agradeço, abraços!

    • Diego Autor

      Olá Maria,

      Muito obrigado, fico feliz pela sua visita e por ter gostado do blog!

      Respondendo à sua dúvida, “nite” é simplesmente uma forma informal de se dizer “noite” em inglês (night). Não há nenhum segredo nessa palavra, ok?

      Um grande abraço!

  • Teacher Bruno

    Obrigado Adonai, Demetrious, Maria e Beatriz pelos comentários.
    Fico feliz que tenham gostado da explicação e da análise da música.

    Mais estão por vir

    @TeacherBrunoGon (dicas de inglês)

  • Ana Carla

    “… o vocalista Julian Casablanca nunca a canta igual à letra original.”
    Isso me lembra o Anthony Kiedis, que também nunca canta igual à letra original… rsrsrs
    No mais, parabéns pelo Blog, acho bem bacana a ideia de aprender inglês (ou outro idioma) através de músicas…

    • Diego Autor

      É verdade Ana! Puxa, eu adoro Red Hot :D

      Em breve farei um post com uma música deles, aguarde!

      Muito obrigado pelos elogios, fico muito feliz em saber que você aprecia a ideia de usar músicas para o aprendizado de um idioma!

      Um grande abraço!

  • Lucas Félix

    Muito obrigado Diego,visto que até agora aprendi muitas palavras e pronúncias em inglês somente com duas músicas por ti ensinadas! Deus o abençoe.

    • Diego Autor

      Que ótimo Lucas! É muito gratificante saber disso!

      Muito obrigado e espero poder ajudá-lo ainda mais.

      Um grande abraço!

  • Carlos Souza

    Hi all,

    Acho que encontrei a maneira mais bacana de aprender inglês, com rock é claro!!!

    Embora eu não seja um participante ativo tenho curtido muito este blog, parabéns ao criador e aos seus colaboradores. Sei que é meio fora do contexto mas eu notei que no meio do clipe (2:52 -> 2:53) aparece um mapa múndi, alguém mais notou isto?

    Abcs e obrigado.

    • Diego Autor

      Hi Carlos,

      Obrigado pelo seu comentário, fico feliz que tenha encontrado uma maneira de aprender que te agrade!

      Abraços!

  • Leonardo

    Resolvi estudar inglês com música para complementar o curso que faço.
    Procurei pelas músicas que me soavam bem. Last Nite é uma delas. Muito fã de Los Hermanos, ouvi Amarante cantá-la algumas vezes e desde então ficava curioso com a letra. Analisei e não entendi muita coisa da letra, em termos de interpretação, pesquisei mais e acabei “caindo” aqui. Pra mim, aqui era um blog dos The Strokes e haveria explicação da letra, mas não, é um blog para aprender inglês com música. Perfeito! Atirei onde não vi, e acertei! Meu objetivo é aprender muito aqui também e se eu puder ajudar não hesitarei.
    Abs

    • Diego Autor

      Hey, Eduardo!

      Que bom que você caiu por aqui hehehe!! Fico feliz que tenha encontrado o meu blog, mesmo que meio que sem querer!

      Espero que você possa aprender bastante com as músicas estudadas por aqui e saiba que qualquer ajuda será bem-vinda.

      Um grande abraço!